sexta-feira, 1 de janeiro de 2016

As previsões para 2016

Nos últimos anos não foi nada fácil conseguir publicar as tradicionais previsões feitas por Pai Jorginho de Ogum para o ano vindouro. Na tentativa de fugir um pouco do óbvio e conseguir obter mais do velho pai-de-santo, acabei me envolvendo em uma série de confusões com uma galerinha da pesada que não se cansa de aprontar. Me envolvi num filme da sessão da tarde, pra resumir.

Dessa vez, resolvi retornar as velhas tradições de sempre. Nas primeiras horas do primeiro dia do ano, me desloquei até a casa de Jorginho de Ogum no glorioso bairro do Jardim Leblon. Encontrei aquelas cenas dantescas de sempre, com Cão Leproso urinando em um muro podre, Marcão dormindo abraçado em um osso de pernil e Alfredo Chagas sonhando acordado com a revolução da inércia.

Pai Jorginho estava acordado, como de costume. Ele mantém o hábito de acordar cedo. Diria até que ele nunca dorme, pois em seu sono ele incorpora os sonhos de outras pessoas, trazendo a pessoa amada de volta e essas coisas que encontramos em postes de luz.

Ele sabia porque eu estava ali, não porque ele tenha esse dom clarividente, mas simplesmente porque eu sempre costumo a ir lá com esse objetivo e porque eu havia mandado um Whatsapp para ele, para que ele se preparasse e eu não o flagrasse em alguma cena constrangedora com uma garrafa de cachaça ou uma galinha, por exemplo.

Fui direto com o velho charlatão e pedi para que ele mandasse logo quais eram as previsões para o novo ano. Pedi, inclusive, para que ele fosse bem direto e específico e evitasse aqueles rodeios do tipo "atletas ganharão medalhas nas provas de atletismo das Olimpíadas", "os Estados Unidos irão escolher seu novo líder" e coisas que já estão previstas em constituições nacionais e regulamentos esportivos.

Desafiado, Jorginho de Ogum soltou as seguintes dez previsões. Sim, pedi dez porque nesses tempos de internet o que importa é fazer uma lista.

1) Quem teve um 2015 de merda terá um 2016 de merda. Segundo Jorginho, ele tem certeza absoluta disso. Garantiu que essas pessoas também terão um 2017, um 2018, um 2019 de merda e por aí adiante, até que elas morram, porque o problema não são os anos, mas sim as pessoas.

2) Você vai se ferrar muito nesse ano. Ele disse exatamente isso. Você vai se ferrar muito, sim, você mesmo. Se prepare para a desgraça, pois certamente ela virá.

3) Famosos irão morrer. Pessoas anônimas também. Certamente uma pessoa que você conhece pessoalmente, por ouvir falar, por livre e espontâneo stalkeamento, ou pela televisão, certamente uma dessas pessoas irá morrer e você irá lamentar que ela era tão jovem, ou que foi tão de repente, mesmo que essa pessoa seja um senhor de 98 anos que lutava contra o câncer desde 1987.

4) A Revista Veja vai publicar 33 capas com pessoas que são esperanças para o Brasil e todas elas serão cedo ou tarde envolvidas em algum escândalo de corrupção.

5) Você não vai ganhar na Mega-Sena. Porque você está lendo esse blog ao invés de jogar na Mega-Sena e você não ganha na porra da loteria se você não jogar nela, não enfrentar uma puta fila em que o esforço talvez não valha alguns milhões de reais.

6) Você vai fazer menos sexo do que gostaria. Porque nós somos sempre insatisfeitos.

7) Na Eslovênia, um senhor de 67 anos irá parar em um semáforo, vai olhar para os dois lados antes de atravessar a rua e no meio do caminho sentirá um mau presságio. Nada irá ocorrer até o domingo seguinte, quando ele sofrerá uma convulsão.

8) O Brasil não vai ganhar o ouro olímpico no futebol.

9) Um deputado será acusado de receber propina em um esquema envolvendo uma empresa estatal, ele vai negar e nada vai acontecer.

10) Uma dessas previsões será fatal para os envolvidos.

Agradeci Jorginho e me despedi. Disse que no fim do ano iria cobrá-lo, inclusive com truculência, sobre os resultados.

Nenhum comentário :