sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Cenas do próximo capítulo

A última semana em Brasília foi extremamente agitada. Brigas, conspirações, aspirações literárias, manobras que suscitam dúvidas sobre a aplicação correta da Constituição Federal de 1988. Resumindo: muita putaria aconteceu. O CH3 conta agora as cenas dos capítulos da próxima semana, para você não perder nada na grande novela que movimenta a política nacional.

Segunda-feira
Não acontece nada, porque ninguém está em Brasília.

Terça-feira
Dilma Rousseff acorda e descobre que sua faixa presidencial foi roubada. Eduardo Cunha coloca em votação projeto que obriga a presidente a utilizar chapéus do Mickey Mouse em seus pronunciamentos. A base situacionista se rebela e incendeia colchões dentro do plenário. Eduardo Cunha manda que a TV Câmara corte o áudio do plenário e repita em looping um vídeo seu tocando bateria. Um deputado ligado ao movimento sindical ameaça arrancar o intestino de um petista com seus dentes. Fantasiado de Japonês da Federal, Ivo Hollanda aparece no Congresso e provoca pânico entre os deputados. Fotos de um deputado oposicionista praticando Fist Fucking passivo vazam no grupo de WhatsApp da imprensa. Michel Temer envia um fax para Dilma Rousseff afirmando que passou os últimos quatro anos sem receber um elogio por conta do seu penteado. O fax termina com uma citação do Soneto da Separação de Vinícius de Morais. Deputados se reúnem em uma chácara nas proximidades de Brasília para uma festa de confraternização. Um deputado da bancada evangélica bebe demais e comete autofelação em público. Aécio Neves comanda um trenzinho de rumba. Uma imagem translucida de José Serra é vista sobrevoando o palácio do planalto. O espírito de José Sarney aparece no quarto de Dilma Rousseff e cita poemas selecionados de seu clássico livro Marimbondos de Fogo de 1978. Dilma chora. Em algum canto no Palácio do Jaburu, Michel Temer e Fernando Collor observam atentamente uma fogueira.

Quarta-feira
Dilma Rousseff acorda de manhã e encontra a cabeça de uma cabra dentro de um pentagrama desenhado na porta de seu quarto. Merval Pereira esclarece que os fatos, sejam lá quais eles forem, são gravíssimos e colocam em dúvida a continuidade do governo do PT. Começa a sessão do Conselho de Ética que pode votar o relatório sobre a investigação de Eduardo Cunha. Michel Temer escreve uma carta utilizando seu próprio sangue em que conta o quanto gastou em gravatas nos últimos quatro anos e que elas não receberam o devido prestígio. Deputado Manoel Júnior repete toda as palavras ditas pelos outros deputados na sessão do Conselho de Ética apenas para atrapalhar seu andamento. Sessão no plenário do Senado é marcada por homens com perucas pegando fogo. José Serra pede a palavra e conta uma piada suja. Deputado aliado de Eduardo Cunha pede questão de ordem e começa a se masturbar na sessão do Conselho de Ética. Almoço no Piantella termina em bacanal. Eduardo Cunha outorga lei que define que a Sessão da Tarde é prioridade para casa a todas as outras sessões da casa e deputados irão trabalhar apenas de manhã. Willian Bonner nos afaga nos contando alguma fábula de algo que ocorreu. Antes de dormir, Dilma Rousseff encontra uma cópia da carta de Getúlio e uma arma sobre a sua mesa de cabeceira. A letra da carta lhe parece familiar.

Quinta-feira
Eduardo Cunha acorda e sente um forte cheiro de enxofre no seu quarto. Dilma Rousseff acorda e descobre que foi enterrada viva. Michel Temer descobre que foi Papai Noel em outra vida. Garçonete derruba sopa de alho em José Serra e ele começa a derreter. Boneco inflável do Lula ganha vida e começa a se inflar. Senadores interrompem sessão para jogar ping-pong. Eduardo Cunha determina que todos os membros do Conselho de Ética sejam substituídos por seus familiares. Michel Temer posa para as lentes de JR Duran e emplaca a capa da revista Decore Mais Por Menos. Jair Bolsonaro é contratado para a nova temporada de Zorra Total. Ministros do PMDB fretam dois ônibus para ir até o Palácio do Jaburu. Briga no plenário da Câmara termina com deputados arremessando fezes uns sobre os outros. Boneco inflável de Lula começa a engolir Brasília enquanto recita A Macarena. Japonês da Federal aparece no Congresso e deputados entram em pânico ao perceber que Eduardo Cunha havia mandado que as portas fossem trancadas. Globo anuncia que próximo BBB terá 14 participantes, sete da base governista, sete da oposição. Eduardo Cunha começa a se descontrolar na mesa do plenário e de sua testa nascem dois chifres, de suas costas um rabo pontiagudo. Sua pele fica vermelha e um tridente aparece nas suas mãos. O enxofre toma conta do local enquanto mais uma fase da operação Lava-Jato é iniciada. O boneco de lula sai completamente de controle e engole Brasília inteira. Fernando Henrique Cardoso registra tudo em seu gravador. O Boneco de Lula explode.

Sexta-feira
Nada acontece porque ninguém está em Brasília. Todos foram engolidos pelo boneco gigante do Lula, mas, de qualquer forma, nada acontece nunca em Brasília nas sextas-feiras. Darth Vader retira sua máscara e todos descobrimos que ele é filiado ao PMDB.

Nenhum comentário :