sexta-feira, 15 de maio de 2015

Dicas para um fim de semana inesquecível

Hoje é sexta-feira! Chega de canseira, nada de tristeza, pega uma cerveja e põe na minha mesa ou dia de bebemorar, cair na gandaia e não ver a noite passar? Eis as opções que a música sertaneja nos oferece, opções nem tão variadas assim, já que no fundo elas querem dizer a mesma coisa. Aproveite o fim de semana para tocar o terror.

Não vamos mais enrolar. Vamos dar algumas dicas para que vocês tenha um fim de semana inesquecível.

Primeira Dica
Pegue o seu carro e vá até uma zona de baixo meretrício da sua cidade, toda cidade tem uma. Chegando lá, escolha o lugar mais badass de todos, onde o cheiro seja repugnante e as pessoas tenham cara de que matariam por um punhado de chicletes. Peça pelo serviço de umas putas, escolha aquelas de aspecto mais sombrio. Pague metade do valor em adiantamento. Perpetue o coito sobre caixas de papelão abarrotadas e mofadas, dispense o uso de preservativos. Uma após a outra, libere o animal selvagem dentro de você. Goze nas paredes já esbranquiçadas do corredor e saía sem se limpar ou pagar o resto da conta. Em 15 dias você já estará com uma doença venérea incurável, da qual você se lembrará pelo resto da sua vida.

Segunda Dica
Vista sua roupa de couro, monte na sua moto e arranque até um bar na periferia da cidade. Encontre um com iluminação precária, mesa de sinuca com carpete esfolado e cidadãos com barba para fazer, camisa com botões abertos e cigarros no canto da boca. Estacione a moto na calçada, entre no bar, cuspa no chão e peça uma dose de cachaça. Vire a dose de uma vez. Desafie qualquer cidadão para uma partida de sinuca. Beba outra cachaça. De uma tacada. Alterne as ações, enquanto o mundo começa a girar, você atira as bolas contra o balcão, enfia o taco na orelha do seu oponente, recebe quarenta e oito facadas no abdômen e sangra até a morte entre garrafas de Pitu quebradas. Inesquecível.

Terceira Dica
Apronte sua bicicleta e vá até uma feira de sua cidade. Desça da bicicleta com ela ainda em movimento e a assista bater contra um caixote cheio de melancias. Passe em todas as bancas e compre exatamente uma unidade de cada espécie de vegetal fálico existente. Insinue para o vendedor que você pretende enfiar aquele pepino no seu toba. Insista. Se ele duvidar do seu ato, execute-o ali mesmo. Veja o choque na cara das pessoas. Saia correndo antes da chegada da polícia. Encontre uma boca de fumo. Peça uma pedra de crack. Urine na parede de uma instituição pública. Fume a pedra. Quebre o vidro de um carro. Simule para o policial que você tem uma arma escondida na cueca. Plante bananeira pelado. Garanta as manchetes dos jornais. Junte uma multidão de curiosos no seu velório.

Quarta Dica
Calce seu tênis e saia correndo pela rua da sua casa. Alcance a Avenida do seu bairro, chegue até uma avenida principal da cidade. Mantenha os passos firmes e a respiração segura. Corra até a estrada que te leva a outra cidade. Siga para outro estado. Alcance a fronteira com outro país e arrume problemas com os fiscais aduaneiros. Chegue até o mar e comece a nadar. Braçadas, pernadas e respiração ritmadas. O gosto do sal escorrendo pela sua boca. Lute com os tubarões, mate-os com seus cotovelos. Alcance outro continente. Tome o caminho de volta. Escreva um livro sobre sua jornada. Dê entrevistas para programas de televisão. Morra pobre.

Nenhum comentário :