quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Guia CH3 de Etiqueta para nudistas no Templo de Salomão

Recém-inaugurado em São Paulo, o Templo de Salomão é um prédio que só pode ser descrito com palavras como “suntuoso”, “megalomaníaco”, ou “extremamente metódico nos procedimentos de construção”. A grandiloquente festa de inauguração contou com a presença da presidente da república e de vários representantes da classe política. E olha que, ao que escutei falar, nem era Open Bar.
O Templo foi construído com tijolos de Israel e o melhor material disponível no mercado, incluindo as palmeiras das Bahamas

O templo rapidamente se converteu em ponto de peregrinação para os evangélicos pentecostais, neopentecostais, não pentecostais, antipentecostais, do Brasil e do Mundo. O enorme fluxo de pessoas criou uma preocupação para os administradores do templo – no caso Deus, que criou um guia de etiqueta ensinando as mulheres a se vestirem de maneira correta no Templo.

Como não poderia deixar de ser, o caso gerou polêmica na internet. Tudo gera polêmica na internet. Trechos do Guia foram reproduzidos nos mais diversos veículos de comunicação e todos nós soubemos que mulheres devem abolir as calças legging de suas vidas e tudo que deixe qualquer parte do corpo marcada. Tudo para colocar a mulherada assanhada no eixo.

No entanto, ninguém até agora divulgou um guia de etiqueta para os nudistas que desejam frequentar o novo ponto turístico de São Paulo. Mais uma vez, mais uma prova de como os nudistas são excluídos pela sociedade mesquinha. Cidadãos como tantos outros, privados do direito de ir e vir como bem quiserem. Os nudistas já são excluídos do espaço de trabalho, dos espaços de lazer e agora dos espaços espirituais. Mas não aqui, não no CH3. Aqui é a porra da tribuna livre dos cidadãos brasileiros. Preparamos um Guia de Etiqueta para os nudistas que queiram visitar o Templo de Salomão.

Não perca, em breve, o Guia de etiqueta para
manequins que queiram ir no Templo
Uma das principais preocupações dos autores do Guia de Roupas Femininas, é que as mulheres não usem roupas que fiquem marcadas em seu corpo. A grande vantagem dos nudistas é que nenhuma roupa ficará marcada no seu corpo. Você não precisa se preocupar com aquela cueca cavada marcando seus cocos, ou com o farol acesso na blusa de malha. Aliás, uma preocupação que os nudistas nunca tem é com a roupa que eles vão usar.

A nudez alheia é um tabu? Sim. Ela provoca incomodo nas outras pessoas? Com certeza. Portanto, você precisa saber que estará automaticamente numa situação de desvantagem. Não falo aqui apenas do Templo, mas de todos os lugares nos quais você colocará os seus pés assim que deixar sua residência. Pode ser no hall do elevador, na esquina da sua casa, enfim. As pessoas vão querer te linchar, te estuprar, cutucar o seu toba com gravetos e outras atitudes inconvenientes.

Então, estando nu, é preciso adotar uma postura defensiva. Não vá tentando esfregar seus órgãos genitais nos símbolos sagrados do Templo de Salomão. Em primeiro lugar, porque não é nem um pouco agradável passar uma parte tão sensível do corpo por objetos de madeira frios e cheios de farpa. Em segundo lugar, porque isso irá despertar o ódio alheio e, novamente, outras pessoas podem querer te linchar, estuprar e cutucar teu toba com gravetos. Aliás, uma boa dica de etiqueta para a vida é: não esfregue seu órgão genital em objetos e/ou em outras pessoas, sem o consentimento delas.

Você também poderá ser excomungado, mas isso é o de menos. A Madonna, por exemplo, foi excomungada depois que fez aquele clipe com um Jesus sensual. O pessoal religioso pode dizer que a vida dela entrou em declínio, mas o fato é que ela continua fazendo sucesso e enchendo o cu de dinheiro, e, inclusive, manteve um romance com um cara chamado Jesus.

Não fique olhando para as outras pessoas nuas – caso elas estejam lá. É constrangedor em qualquer ambiente nudista. Também não fique olhando para as pessoas com cara de tarado, pode provocar eletrochoques. Não corra, não faça movimentos bruscos, não faça um pirocóptero, não pise na grama, não ultrapasse a linha amarela, não cutuque o toba dos outros, não coma merda, não alimente os animais, não atire nos pombos. Não tente equilibrar os papeis com cânticos e salmos no seu pênis. Não urine em público.

Procedendo assim, sua visita nua ao Templo será tranquila. Mas, em todo caso, se prepare para conviver com a violência alheia. Por isso, é melhor ir armado para lá.

Nenhum comentário :