A Máfia das Bermudas Caquis

Sempre ouço dizer que escoteiros são um bando de crianças vestidas de idiotas, lideradas por um idiota vestido de criança. Uma frase idota, que subestima o poder de ação da temida Máfia das Bermudas Caquis, a real entidade por trás dos escoteiros, além do Michael Jackson, que está sempre atrás de escoteiros.

Tudo começou em 1905, quando Lorde Robert Stephenson Smyth Baden-Powell herdou a fábrica de bermudas caquis da família já a beira da falência, em uma cidadezinha no sul da Inglaterra. Por dois anos ele tentou reerguer a empresa sem sucesso, ninguém queria comprar bermudas caquis, nem na Inglaterra nem em qualquer outro país do mundo. A última tentativa de salvar a empresa foi realizar uma festa do cabide, em uma ilha no Canal da Mancha, com garotas de programa na faixa. A única condição para entrar na festa era estar trajando bermuda caqui.

A festa foi um tremendo sucesso, mas não atingiu o público esperado por Baden-Powell, pois para os ingleses adultos, usar bermudas era uma completa humilhação, o que não acontecia com os garotos, que compareceram em massa na festa. Surgiu então a Máfia das Bermudas Caqui, também conhecida como Fraternidade Escoteira Mundial.

Hoje estima-se que existam cerca de 28 milhões de escoteiros espalhados pelo mundo, todos avidos consumidores de bermudas caqui e portadores de hábitos bem peculiares, como só cumprimentar com a mão esquerda e fazer uma saudação com os dedos médio, indicador e anular estendidos unidos (antes que alguém pergunte, o Lula não é membro dos escoteiros), além de uma estranha paixão por animais. O Cão Leproso já passou uma semana em um acampamento escoteiro, o que aconteceu lá até hoje é um mistério.

Por fim, quem pensa que a Máfia das Bermudas controla só a terra se engana, eles também tem a modalidade aquática, que domina o comércio de escafandros e a modalidade aérea, que por incrível que pareça foi inventada no Brasil, com adeptos famosos, como o padre Adelir Antônio de Carli.

Comentários

Gressana disse…
Cara...
Eu sempre usei bermudas caqui.
Tenho duas.
E não sou escoteiro!!
PK disse…
eu quero deixar aqui a minha contribuição!

aqui no Brasil, mais especificamente em MT e dentro da UFMT no curso de Rádio e TV, temos um dissidente dessa máfia! ele subverteu o uso das bermudas, por calças e camisas beges! é uma variação criada por ele, que também combina os sapatos com o cinto!

esse professor, mais conhecido como "beginho", têm tranformado minha vida de monogrfanda (hauahuah) num inferno!

gostei do post e agora já sei de onde vem tanta amargura! rs

e sempre repito: nunca acreditem em pessoas que se vestem toda de bege!

fica aqui o meu manifesto!
Thiago Borges disse…
Andar todo de bege realmente é não é normal. Esse mundo de seres estranhos...
Tayane disse…
próximo tema de aniversário...
hauhauah
Guilherme disse…
caramba...

Desconfiarei quando ver um desses seres à paisana.