O caso Pedrinho

Esqueça a Isabella, o terremoto, o cartel de combustível. Esqueça qualquer coisa. Aproveite e esqueça também os últimos resultados do campeonato paulista. Vou contar até cinco, e, quando eu estalar o dedo, você vai se esquecer. 1, 2, 3, 4, 5 – Tlac. Pronto, agora você vai aproveitar e dar todo o seu dinheiro para o CH3.

Mas enfim, falemos do caso Pedrinho. Não conhecem? Vejam o Vídeo.


Pois bem, apesar de não estar no Agenda Setting, esse caso invade as residências de milhares de brasileiros diariamente. Seja no almoço, no jantar, enfim, o Menino quer fazer cocô na casa do Pedrinho. Isso é um reflexo do desgaste das relações familiares na pós-modernidade. Façamos uma análise dos cinco personagens do caso.

Menino que quer cagar
Abandona qualquer tradição familiar, abandona a cultura de cagar em casa e prefere defecar na casa do Pedrinho. Porque? Porque o Pedrinho tem um trocinho cheiroso no banheiro. Ou seja ele prefere deixar de lado o conforto do banheiro residencial em troca de um cheiro perfumado.
Hipótese: O menino caga muito fedido. O que é uma aberração para alguém tão novo. Existe também a hipótese de que ele esteja apaixonado pelo Pedrinho. É a tal da atração anal das crianças. Ele também pode ser o cara folgado, que caga na casa dos outros, só de sacanagem.
O que fazer? Pela maneira como o garoto fala, ele é visivelmente retardado. Então os pais devem tomar cuidado. Rever a alimentação do garoto, e ver se os livrinhos dele não contam a história de ursinhos gays casados.

Mãe do menino cagão
Uma cega. Seu filho faz cocô fora de casa e ela não percebeu nada. Irresponsável. Mais tarde o filho começa a fumar maconha ou torcer pelo Flamengo e ela não vai perceber. Mães assim são as responsáveis pela delinqüência juvenil.
Hipótese: Ela não limpa o banheiro da casa. Nem ela nem ninguém. Ou então ela deixava o menino trancado no banheiro como castigo. Muito provavelmente ela é uma dessas depressivas que passam o dia inteiro na cama tomando remédios.
O que fazer? Ter mais pulso. Falar “vai cagar na casa do Pedrinho porra nenhuma”.

Pedrinho
Um banana. Depois de anos se machucando no Vasco, Palmeiras, Fluminense e Vasco, agora as pessoas vão cagar na casa dele e ele... Ele não faz nada!
Hipótese: O outro garoto é mais forte e bate no Pedrinho se não puder cagar na casa dele. Ou então, Pedrinho é coprófago e atraís os amiguinhos para cagar na casa dele, e então comer o cocô.
O que fazer? Pedrinho... Sinceramente. Olha as suas amizades Pedrinho! Pedrinho... Você precisa se ajudar Pedrinho!

Mãe do Pedrinho
Outra Irresponsável. O filho traz os amigos para cagar em casa e ela não faz nada. Não impõe um limite. Todo mundo pode ir lá defecar a qualquer momento. Ponha se no lugar dela. O porteiro interfona e diz “Dona, tem um menino aqui querendo fazer cocô na sua casa”. Você diria “Manda Subir!”. Então.
Hipótese: Fazer cocô na casa do Pedrinho é um despiste para o consumo de drogas e a mãe do Pedrinho é a responsável por entorpecer as crianças. Ou então ela é uma cientista fantástica que criou um vaso sanitário anatômico e um banheiro que pode ser chamado de trono dos deuses. Porque não é possível que só um perfume seja responsável por trazer pessoas tão dispostas a cagar na sua casa.
O que fazer? Ter mais atitude. Manda o porteiro dizer que o Pedrinho não está em casa. E sim, converse com o Pedrinho e explique que aqueles que só querem cagar na sua casa não são bons amigos.

NarradorUm agente do mal. Narra toda uma trama nefasta como se fosse algo normal. Mas ele nem tem tanta culpa assim. Sabemos que os culpados são os publicitários.

Comentários

Gressana disse…
Mas que merda, nós publicitários não temos culpa dos outros irem cagar na casa do pedrinho! Pela frieza do narrador, ele só pode ser jornalista.

Mas é, hahahaah, muito legal a hipótese de o Pedrinho ser coprófago. Hahahahaha!!
Mas ah, bom mesmo é cagar na casa da Tayane. Na pia.
Andreza disse…
ahahhahaahah

Eu também achei bem estranha a história do Pedrinho.Mãe tem que fazer cada coisa pelos filhos e ele ainda prefere outra casa.Será que ele toma muita Actvia? E por fim, eu concordo que a culpa é toda dos publicitários.
O Flamengo não tem nada com isso...
Laïse disse…
andreza, acho melhor você jogar fora aqueles activia que você comprou. o pedrinho mora muito longe da sua casa...