segunda-feira, 20 de julho de 2015

Guia CH3: Como se Divertir no Trabalho

“Encontre um trabalho que você ama e você nunca mais trabalhará um dia sequer em sua vida”. Essa frase, ou versões bem próximas a ela, é muito popular entre palestrantes nos cursos de coaching e nos slides motivacionais nossos de todo dia na internet. A frase pode ser simbólica, com o objetivo de incitar o trabalhador a buscar seus sonho, sua felicidade, encontrar um lugar no mundo.

No entanto, a frase exprime uma dialética, dividida entre os polos “encontre um trabalho” e “não trabalhe nunca mais”. Diria que aproximadamente 100% da população se encontra em uma dessas duas situações isoladamente, sem jamais ter encontrado o significado da frase em sua plenitude. Mesmo entre aqueles que são felizes no trabalho. Pergunte se eles trabalham e eles dirão que sim, que trabalham muito.

(Para dizer a verdade, podemos ter algumas pessoas da Geração X que vivam a frase. São esses hipsters que vivem em containers e trabalham criando apps e acessórios para gadgets sentados em sofás coloridos. A discussão aí é se isso pode ser considerado um trabalho).

Nos últimos anos, se tornou popular a versão de que a palavra trabalho se origina de um instrumento de tortura medieval. Se a interpretação é correta nós não sabemos, mas a combinação de trabalho e tortura, é perfeita e irresistível, não é mesmo? Mas não precisa ser assim. Nesse Guia CH3 nós iremos mostrar como é possível se divertir no trabalho, encontrar um trabalho que você ama, para que você nunca mais trabalhe um dia na sua vida.

1) Aproveite um horário em que sua sala/repartição esteja vazia para trocar de lugar as cadeiras utilizadas pelos seus colegas. Cada um deles mantém suas poltronas ajustadas milimetricamente em relação a altura, grau de inclinação e encosto dos braços. Você é capaz de reconhecer sua cadeira apenas pelo que sente quando senta nela. Na volta do almoço, todos ficarão a tarde inteira sentido um desconforto sem saber o que é. Ria da situação, internamente é claro, para não dar bandeira.

2) Primeiro observe se todos os seus colegas de trabalho tem telefones em suas mesas. Caso a resposta seja positiva, realize um trabalho de investigação para descobrir os respectivos números. Passe a tarde inteira ligando, discretamente, para esses ramais e vendo a frustração e o ódio na cara das pessoas diante do telefone mudo.

3) Descubra a senha do computador de um colega seu. Utilize-se de técnicas militares e tenha paciência para lograr êxito. Quando finalmente descobrir a senha, aproveite o horário de almoço do colega, quando ninguém estiver na sala além de você, e coloque a foto de uma piroca jorrando como imagem do plano de fundo dele. Faça questão de estar próximo a ele no momento em que ele religar o computador. Faça cara de espanto e, é claro, conte o fato para toda a repartição pública. Ria das desculpas dele, algo do tipo “tem um vírus no meu computador”.

4) Quando um colega seu fizer aniversário, não hesite: contrate um serviço de mensagem de som para animar e constranger a pessoa em seu habitat de trabalho. Peça um bolo, puxe o coro de parabéns, incluindo “com quem será?” e hinos religiosos. Enfie a cara do aniversariante do bolo e incite todos a começar uma guerra de comida. No final diga “ai, ai, que divertido” e vá embora.

5) Consiga se infiltrar na cozinha da corporação e tenha acesso a matéria prima utilizada para preparar o café da turma, que provavelmente é o próprio café. Já repararam que você precisa utilizar café para preparar um café? Pois bem, adicione terra, espermatozoides, amônia, laxante e outras substâncias ao pó preto e morra de rir da cara de nojo dos seus colegas ao provarem café e a subsequente dor de barriga que irá te deixar sozinho no ambiente de trabalho, possibilitando, quem sabe, que você consiga concretizar as atividades citadas anteriormente nesse texto o que faz com este item, talvez, precisasse ser o primeiro, mas agora já é tarde demais.

6) Jogue uma camisinha usada debaixo da mesa de um colega de trabalho, de preferência do mesmo colega que teve uma foto de piroca jorrando exposta em sua área de trabalho. Claro, conte para todo mundo a sua descoberta. Junte pessoas para rir e apontar o dedo para o cidadão humilhado e certifique-se que ele não sofre de nenhum distúrbio psicótico que pode levar a um assassinato coletivo.

7) Leia o CH3.

E nunca mais trabalhe na sua vida.

Nenhum comentário :