Fale agora ou case-se para sempre

Pessoas casam? Algumas sim, outras não. Elas são felizes? Não sabemos. Mas enfim, o casamento é um momento único na vida de algumas pessoas. A não ser que você seja jogador de futebol, ator da Globo ou a Gretchen, porque essas pessoas se casam umas 14 vezes ao longo de suas vidas. Eu tinha uma professora de psicologia que havia se casado quatro vezes.

Algumas coisas precisam ser observadas no casamento, quanto ao seu comportamento.

Roupas
Caso você seja uma mulher, evite vestidos pretos. E caso vá com um vestido preto, não sente na primeira fila, de óculos escuros enxugando lágrimas. Também não vá usando vestido branco. Muito menos se esse vestido for longo e com véu e grinalda. E caso você vá vestida assim, evite entrar na frente da noiva e ir beijar o noivo.

Os homens também devem evitar ir usando vestidos brancos ou pretos. Aliás, os homens devem evitar o uso de vestidos, saias ou coisas parecidas. Fora isso, basicamente não vá nu. Se quiser combinar terno laranja com gravata rosa e camisa roxa, você pode usar a desculpa de que é descolado.

Não revele segredos do passado obscuro do casal

Não seja aquele amigo constrangedor do noivo que diz “eee garotão tá casando heim!? Acabou a farra! Tinha que ver esse cara aqui, saia na noite e agarrava todas. Comia todas as menininhas. Agora você é homem sério rapá!”.

Se esses segredos forem de um passado bem recente, recente digo, desde que o noivo está junto com a noiva é pior ainda. “Tinha que ver! Mês passado nós fomos em Livramento, ele pegou umas sete!”. Depois imagine a dificuldade do noivo em convencer a noiva de que ele realmente havia ido apenas visitar uma tia avó em Jangada.

Sobre o bolo
Se por um acaso houver um bolo na festa, tome cuidados. Não digo cuidado no sentido de imaginar que ele seja uma bomba disfarçada e que por conta disso você saia correndo com o bolo para algum lugar.

Mas, não cante "com quem será" ao ver o bolo. E se cantar, não invente de mudar o nome da pessoa com que o noivo vai se casar.

Caso existam bonequinhos dos noivos em cima do bolo, não coloque um boneco por cima do outro, de tal forma que pareça que eles estão interpretando posições do Kama Sutra.

Caso nada disso exista, desconsidere essa parte. Aliás, caso o casamento não exista, desconsidere o texto.

Discurso do padre
Se o casamento for religioso, o padre irá fazer aquele longo discurso. Não é de bom tom que você dê risadas quando o padre falar “promete amá-la...” e essas coisas.

E claro, há o momento épico de todos os casamentos. A hora em que o padre diz “fale agora ou cale-se para sempre”. O óbvio é que você se cale e não diga nada. O que não significa que você tenha que se calar para sempre. Uns três minutos depois você já pode começar a falar. Mas, enfim, será mais interessante se você resolver falar alguma coisa.
- Peça a palavra para recitar uma letra de funk.
- Diga que você fez sexo com a noiva, ou com o noivo, ou com os dois, na noite anterior. Dentro da Igreja.
- Apareça com uma criança e diga “esse aqui é filho do noivo!”.
- Peça a palavra e pergunte as horas para o padre. Apenas por curiosidade. Depois volte a se sentar.

Este post é dedicado ao elemento X. Ombudsman, conselheiro espiritual, homem mais próximo do CH3 e segurança do blog.

Comentários

Tayane disse…
A tal professora vai casar a 5ª vez dia 12 agora =)
J. Tomaz disse…
Guilherme... ri muito que até saiu lágrimas (dos olhos, ok?)...
Anônimo disse…
agradeco ao pessoal do blog, fico feliz por terem feito um post tao legal, principalmente a parte de recitar uma letra de funk.
usuario x